Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Blog à solta

Textos aleatórios. Demasiado aleatórios para não terem lugar no meu blog principal.

Blog à solta

Textos aleatórios. Demasiado aleatórios para não terem lugar no meu blog principal.

24.Mar.19

O que aconteceu com as redes sociais?

Flávio Augusto
Este não deveria ser mais um daqueles textos em que, simplesmente, despejo pensamentos menos positivos em relação a alguma coisa. Mas como eu sou casmurro, este vai ser um desses. O título por si só já diz praticamente tudo. O que aconteceu com as redes sociais? Porque é, subitamente, tornaram-se tão desinteressantes e estáticas? Quando é que vai surgir a próxima grande novidade nas redes sociais? Estas são algumas perguntas que de vez em quando me passam pela cabeça, em (...)
30.Abr.18

Tradições não combinam comigo...

Flávio Augusto
Estava eu, nestes últimos dias, a fazer scroll pelo meu feed no Facebook e a ver uma série de publicações no Instagram. Houve uma coisa em particular que me estava a causar uma ligeira impressão, na falta de melhor termo para descrever a sensação. Daqui a poucos dias começa a Queima das Fitas de Coimbra e o Cortejo da Queima está ainda mais perto. Mas essa alegria, que parecia extravasar em tudo o que era post nas redes sociais, pouco passou da sensação em forçar um evento (...)
31.Dez.17

Rabiscos sobre 2017

Flávio Augusto
Faz algum tempo que não publico aqui nada. Sendo assim, aproveitando esta altura em que todos partilham as suas retrospetivas e desejos para o ano seguinte, achei que seria poético fazer o mesmo. Não querendo cair no cliché, 2017 foi um ano de extremos mais radicais quando comparado com 2016. Posso dizer que foi um ano cheio de altos e baixos. Tive o enorme prazer de ver uma das minhas bandas preferidas ao vivo, a melhor celebração do meu aniversário até hoje, visitei sítios que (...)
11.Ago.17

Bloqueios de criatividade

Flávio Augusto
Não sei bem como começar a escrever, até porque é sempre um grande problema para mim. Crises de criatividade acontecem com frequência e começam a partir do momento em que inicio a escrita de um novo texto, especialmente no meu blog principal, mas que de vez em quando se fazem sentir também neste meu blog no SAPO. Talvez por este ser um espaço mais pessoal, e eu nunca fui muito bom a expressar determinadas emoções na primeira pessoa, as palavras não surgem como seria o ideal para (...)
15.Jun.17

O primeiro post e a problemática do (re)começar

Flávio Augusto
Olá a todos os que estão a ler o primeiro post do meu blog "à solta"! Antes de mais nada, acho que seria importante explicar o porquê de, apesar já ter um outro blog, ter decidido criar este a partir do zero.   O dia em que a organização se desorganizou Como puderam ver através do link, o título "Homogeneidade" do meu blog principal pretendia transmitir uma sensação de unanimidade e conexão. A (...)